Terça-feira
22 de Maio de 2018 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,71 3,71

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Em Tatuí, Presidência busca solução mais econômica para problemas com caixa d’água

Reservatório de água tem capacidade para 45 mil litros. Na sexta-feira (11), depois de, na véspera, instalar a Vara da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher na Comarca de Campinas, o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças, visitou o fórum da Comarca de Tatuí para verificar, in loco, a necessidade e pertinência de impermeabilização, a alto custo, na caixa d’agua que abastece o prédio do fórum. Experiente em logística que envolve questões estruturais de edificação e/ou manutenção de espaços, o presidente Pereira Calças foi recebido pela juíza diretora do fórum Ligia Cristina Berardi Machado, que também responde pela 3ª Vara Cível de Tatuí e explicou os problemas que o reservatório de água tem apresentado gradativamente, desde 2012, quando foi inaugurado o fórum. Também recepcionaram o presidente os magistrados Hugo Leandro Maranzano (diretor da 10ª Região Administrativa Judiciária – Sorocaba), Rubens Petersen Neto (2ª Vara Cível), Mariana Teixeira Salviano da Rocha (1ª Vara Criminal) e Fabrício Orpheu Araújo (2ª Criminal). Segundo o presidente, no expediente que tramita no Tribunal de Justiça, não há nada de errado em termos formais, mas a melhor e mais econômica ação talvez não seja a impermeabilização e sim a desativação dessa caixa d’água e a instalação de outra, com menos capacidade, mas que atenda às necessidades do prédio. Para tanto, novo estudo será rapidamente elaborado. Além de Tatuí, há outros três prédios de fóruns com reservatórios no mesmo modelo: Avaré, Botucatu e São João da Boa Vista.
15/05/2018 (00:00)
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitas no site:  118761
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.